sábado, 19 de outubro de 2013

Vivendo e aprendendo

Há coisas que parecem tão simples, que fazemos com tanta naturalidade que nem nos apercebemos que foi preciso toda uma aprendizagem para as conseguirmos fazer.

E cada vez mais me apercebo disso quando vejo o Martim a fazer coisas novas, simples, mas que antes não fazia.

Tudo, mas mesmo tudo tem que ser aprendido!

E quando nos tornamos mães começa a verdadeira aprendizagem!

16 já foram...

E que venham muitos mais!

Foram 16 meses de muito amor, experiências novas, risadas e alguns choros... e com certeza que foram os melhores 16 meses da minha vida!

Porque simplesmente não há nada melhor do que ser mãe!

sábado, 12 de outubro de 2013

Here we are again!

Estamos de volta depois de umas merecidas férias e do regresso ao trabalho (que no início do ano lectivo é mais que muito!). E vimos cheios de novidades... 

Os dentinhos entretanto já são 4 (o 4º saiu logo a seguir ao 3º) e agora temos o nosso pequeno hipopótamo com o sorriso mais lindo do mundo e arredores. 

No Verão fomos acampar, o que foi uma bela aventura. Por norma ele portava-se bem, mas de vez em quando lá tínhamos que aguentar uma ou outra birra! Fomos também passar uns dias a Lisboa com a avó paterna e passeámos imenso, o que ele adorou, está claro! 

Durante o Verão ele já gostava de caminhar connosco a segurar-lhe as 2 mãozinhas. De volta à nossa sala ele aos poucos foi-se aventurando agarrado aos móveis e sofá, depois dava 2 ou 3 passos para ir de um lado ao outro, com algumas quedas pelo meio! Na semana antes de fazer os 15 meses foi o grande dia e ele aventurou-se do sofá até ao outro lado da sala onde estava o pai! Mas foi tudo inesperado, pois nem sequer o estavam a chamar, ele simplesmente decidiu que era capaz e lá foi ele (momento que eu não presenciei com muita pena minha, pois foi na hora que eu estava a trabalhar, mas tive direito a uma pequena demonstração quando cheguei a casa!). A partir daí foi só treinar e agora corre a casa toda (se deixarmos).

Entretanto também já fomos à consulta dos 15 meses e contamos com 76cm e 8,780kg (engordou mais que o esperado) e estamos bem de saúde. Já fomos ao hospital repetir a eco ao coração, mas como nesse dia ele estava mal disposto e não deixou a Dra ver bem o que se passava, lá temos que voltar para o ano por descargo de consciência (diz ela que lhe parecia ainda ver um pequeno buraquito)

 Também já dá e manda beijinhos, mas encostando mesmo os lábios um ao outro e fazendo o barulhinho. É lindo de se ver... esta semana também já (finalmente) começou a bater palminhas. 

Já sabe apontar e pedir em alto e bom som quando nos vê a comer alguma coisa. E noto que cada vez fala mais, mas ainda é tudo à maneira dele (é tão lindo quando ele começa a ler o livrinho dele!)

 E está assim o nosso tesouro. A crescer a olhos vistos, cada vez mais lindo e esperto e sempre a fazer as suas traquinices e a fazer o que não deve...